Pós-Graduação à distância e gratuita: é possível?

Nós já comentamos aqui sobre os tipos de pós-graduação. Mas vale relembrar um pouco, antes de prosseguir com este post. Vamos lá?

Os cursos de pós-graduação são destinados a quem já concluiu uma graduação de qualquer área. A pós-graduação se divide entre cursos lato sensu e stricto sensu. Sendo que a primeira categoria inclui especializações e MBAs, e os cursos duram, no mínimo, 360 horas. Já o stricto sensu se refere a mestrados, doutorados e pós-doc, em que mestrados duram no máximo dois anos e meio, doutorado quatro anos, e pós-doutorado pode durar um ano.

posgraduacao8Notícia recentemente divulgada pelo Ministério da Educação revelou que é crescente o número de pós-graduandos no Brasil. Estão matriculados 122.295 estudantes na pós-graduação, dos quais 76.323 são de mestrado acadêmico, 4.008 de mestrado profissional e 41.964 de doutorado Os dados também afirmam que cerca de 40 mil estudantes não possuem bolsa de estudos, muitos por terem vínculo empregatício, o que costuma ser vetado em editais de concessão de bolsas.

Contudo, às vezes, fazer uma pós-graduação envolve não só custos, como também disponibilidade de tempo. Por essa razão, a pós-graduação à distância é o mais viável para quem deseja fazer seu próprio horário e ainda garantir mais conhecimento competitivo no mercado de trabalho. Títulos de pós-graduação também significam aumento de salário, o que faz eles valerem a pena mais ainda.

Contemplando graduados que demandam continuidade nos estudos, seja por objetivo acadêmico ou profissional, muitas instituições têm oferecido a formação em pós-graduação à distância e gratuita. As vantagens são muitas e vão desde a flexibilidade de horário de estudos à possibilidade de ingressar em cursos simultâneos.

Assim como todo curso EAD, a pós-graduação à distância e gratuita também é caracterizada pelo uso de linguagem pedagógica mais voltada para o intermédio de ferramentas tecnológicas, e pela realização de atividades em ambientes virtuais.

Onde fazer lato sensu à distância e gratuita

Antes de se inscrever em uma pós-graduação EAD, é necessário verificar se o curso é reconhecido pelo Ministério da Educação e, ainda, a experiência de quem já fez o curso em questão. Obviamente, a experiência é individual e nem todas as pessoas se adaptam ao ensino à distância. Mas, nesse caso, vale avaliar materiais didáticos, conteúdos e professores.

+ Leia sobre Pós Graduação na Argentina

Um dos caminhos para fazer uma pós-graduação à distância e gratuita é pelo Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB), em que são oferecidos cursos de especializações em parceria com faculdades de todo o país. Os cursos lato sensu são destinados para o público em geral, mas com prioridade para professores da educação básica. Semelhante a esse programa, existe também o Universidade Aberta do SUS (UNASUS), que oferece educação continuada online para a área da saúde. Para fazer um dos cursos de especialização da UNASUS, basta o profissional de saúde do SUS se inscrever na plataforma Arouca.

Quem não é de nenhuma dessas áreas, pode contar com as opções de curso de pós-graduação à distância da Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal do Paraná, Universidade Estadual de Londrina. Ou ainda consolidar seus estudos por meio de plataformas de cursos online e gratuitos que hoje já fazem parcerias importantes com universidades. Estamos falando de plataformas como Coursera e Veduca. O primeiro disponibilza centenas de especializações com direito a certificação em negócios, ciências da computação, ciências de dados, ciências biológicas e outras. No Veduca, há o acesso a MBAs abertos em todo o mundo e quem faz o programa premium recebe certificado válido pelo MEC.

Faça um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *