Engenharia de Produção: o que é e o que faz?

Você está inclinado à ideia de cursar Engenharia da Produção? Parabéns! É uma área de mercado promissor no Brasil e, certamente, em diversos outros países. Vamos falar um pouco da Engenharia de Produção neste post, incluindo informações sobre atuação, responsabilidades profissionais, mercado e média salarial. Acompanhe!

O que é Engenharia de Produção?

A Engenharia de Produção é um ramo da engenharia dedicada a aumentar a produtividade de uma organização, a partir de ferramentas que otimizem processos e sistemas, e o uso dos recursos humanos, financeiros e materiais. O objetivo da Engenharia de Produção é reduzir e eliminar custos nos processos de uma empresa, garantindo eficiência de produção.

Quem é o profissional da Engenharia de Produção?

Quem faz o curso de Engenharia de Produção torna-se engenheiro de produção, um profissional que alia conhecimentos administrativos, financeiros, e tem habilidade em ler ambientes externo e interno, de modo a prever situações de grande impacto na produção da empresa. Para atuar, ele precisa estar registrado no Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Crea).

Qual a formação de um engenheiro de produção?

engenhariaproducao2O curso de Engenharia da Produção é superior, portanto, tem duração de 5 anos. Durante o curso, o futuro engenheiro de produção entra em contato com disciplinas básicas das engenharias até, finalmente, estudar disciplinas específicas, como gestão de investimentos e organização do trabalho. O estudante aprende cálculos em disciplinas relacionadas a matemática, física e química, obtém conhecimento em estratégias empresariais e organização do trabalho. Para se formar, é necessário fazer estágio e defender trabalho de conclusão de curso.

Quais são as principais habilidades de um engenheiro de produção?

O foco do engenheiro de produção é performance, por isso, balanceia tempo, número de trabalhadores necessários, tecnologias, ações, custos, e fatores ambientais. Mas ele não pode entender apenas de técnica, é imprescindível compreender a relação entre o ser humano e o seu ambiente de trabalho, afinal, ele une produtividade e pessoas. Ele é um profissional que pode trabalhar tanto em multinacional, quanto na indústria, como em terceiro setor ou pequena e média empresa.

Quais são as principais áreas de atuação da Engenharia da Produção?

O engenheiro de produção é requisitado principalmente em: controle de qualidade, desenvolvimento organizacional, produção química, produção elétrica, engenharia do trabalho e outros.

engenhariaproducao22

Como é o mercado da Engenharia de Produção?

A lista de profissões em alta em 2015 revelou funções ligadas à Produção, como Gerente de Logística, Gerente de Produção, Diretor de Produção, tornando a Engenharia de Produção uma das carreiras mais promissoras do mercado brasileiro. Considerada a mais humana das engenharias, a de Produção permite que o seu profissional atue em diferentes setores de uma mesma empresa. A média salarial para quem inicia como engenheiro de produção é de R$ 2 mil, com um auge de até R$ 12 mil.

Melhores universidades de Engenharia de Produção:

melhorfaculdadeengenhariaproducao

Faça um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *