5 Universidades de Portugal que aceitam a nota do Enem

Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), além de servir como sistema de avaliação do ensino médio, também se tornou o principal e o maior processo seletivo para ingresso no ensino superior no Brasil. De olho nesse público, em 2014 algumas universidades de Portugal começaram a aceitar a nota do Enem como forma de ingresso. Saiba mais:

No Brasil, com a nota do Enem é possível concorrer a vagas em universidades públicas pelo Sisu (Sistema de Seleção Unificada), a bolsas de estudos integrais e parciais em instituições de ensino particulares pelo (Prouni) e participar do programa de financiamento estudantil do Governo Federal (Fies).

Além disso, a adoção do Sisu como forma de ingresso em universidades de grande renome, como, por exemplo, USP (Universidade de São Paulo), UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), aumentou a importância do exame para os estudantes de todo país que almejam ingressar no ensino público.

Com isso, com intuito de ampliar ainda mais as possibilidades de acesso ao ensino superior com o Enem, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) vem criando convênios com algumas instituições de ensino em Portugal, as quais demonstraram interesse em usar a nota do Enem para selecionar novos alunos.

“O Enem, que proporciona muitos acessos à educação superior no Brasil, aos poucos também está abrindo boas oportunidades de estudo em Portugal”, destacou Chico Soares, presidente do Inep em coletiva de imprensa.

universidadeportugalenem-fb

Confira quais as universidades de Portugal que aceitam a nota do Enem:

5 Universidades de Portugal que aceitam a nota do Enem

Universidade de Coimbra (UC)

Em 2014, a Universidade de Coimbra foi a primeira universidade lusitana a anunciar que iria utilizar a nota do Enem para ingresso de brasileiros na instituição.

Na Universidade de Coimbra, os brasileiros terão oportunidade de entrar em contato com outra cultura, aprender novos costumes, línguas e participar de programas de mobilidade por toda a Europa.

Para mais informações, acesse: www.uc.pt/brasil

 Universidade de Algarve (UALG)

A Universidade de Algarve (UALG), com sede em na cidade de Farom em Portugal, começou a utilizar o Enem como uma das formas de ingresso de brasileiros na instituição. Para se inscrever basta ter nota mínima de 500 pontos em todas as provas do exame.

A UALG oferece cursos nas diversas áreas, desde artes até engenharias. Uma das principais vantagens da instituição é que seu diploma é reconhecido por todos os países da União Europeia.

Para mais informações, acesse: www.ualg.pt.

Beira Interior (UBI)

A Universidade da Beira Interior em Covilhã, Portugal, aceita as notas do Enem de até dois anos antes da inscrição para ingresso de estudantes brasileiros em cursos de graduação. A instituição não estabeleceu nota mínima para se inscrever, mas cada prova do Enem, inclusive a de redação terá peso diferente para cada curso escolhido pelo estudante.

A UBI fica a 200 quilômetros de Lisboa e atualmente, os brasileiros formam a maior comunidade estrangeira na instituição.

Para mais informações, acesse: http://brasil.ubi.pt

Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria)

No Instituto Politécnico de Leiria, as notas das provas do Enem possuem pesos de acordo com o curso escolhido e critérios definidos a cada processo seletivo, inclusive a prova de Redação. (Conheça o Guia da Redação para o Enem)

O IPLeiria oferece 49 cursos de graduação nas áreas de Educação, Saúde, Agricultura e Tecnologia.

Para mais informações, acesse: www.ipleiria.pt

Instituto Politécnico do Porto (IPP)

O Instituto Politécnico de Porto anunciou no mês de agosto de 2015 a utilização da nota do Enem como forma de ingresso para estudantes brasileiros. O IPP oferece cursos nas áreas Engenharia, Contabilidade e Administração, Gerenciamento, Turismo e Hospedagem, Estudos Industriais, Tecnologia, Educação, Música e Artes Performáticas e Ciências da Saúde.

Para mais informações, acesse: https://portal.ipp.pt

 

Faça um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *