Cursos de Moda no Exterior

A moda é uma expressão cultural do nosso tempo. Sendo assim, é quase impossível estudá-la de maneira completa sem sair do lugar comum, do lugar de sempre. A má notícia, para quem gosta da zona de conforto, é que um bom profissional da moda tem que, literalmente, ter bagagem: é preciso viajar, conhecer, viver outras culturas para entender porque as coisas são como são – e como elas podem mudar tempo afora. A boa notícia é que o que não falta ao redor do globo são cursos de moda no exterior.

Quando pensamos em moda, logo nos vem à cabeça a tríade Nova York – Paris – Milão, epicentro do assunto e palco das principais fashion weeks de todo o mundo. No entanto, pelo menos na Europa, os cursos não ficam focados apenas na França e na Itália (apesar de esses dois países serem paradas obrigatórias de todo amante de moda): Londres é o lugar para quem quer cursos intensivos, com menos de oito semanas, mas com bagagem suficiente para semestres dentro de faculdades.

cursodemoda-exterior

Esse é o caso, por exemplo, do Vogue Intensive Summer Course, realizado pelo The Condé Nast College, na capital britânica. O curso tem quatro semanas de duração e trata a moda pelos vieses que influenciam diretamente a indústria fashion, como jornalismo, relações públicas, marketing e propaganda, varejo e calendário mundial da moda. Para fazer o curso é preciso ter no mínimo 18 anos, ensino médio completo, boa compreensão da língua inglesa e desembolsar 2.800 libras para o pagamento do curso, sem taxas.

Já em Milão, o Instituto Marangoni, um dos mais requisitados do mundo, oferece anualmente o curso “Basics of Fashion Design”, de apenas três semanas, que faz uma introdução ao design de moda e ajuda alunos a colocar suas ideias em prática através do conhecimento técnico do assunto. A última semana de curso é toda dedicada à criação de coleções pelos alunos. O Instituto disponibiliza hospedagem para os interessados, que desembolsam cerca de 3.700 euros para pagar pelo curso. A hospedagem custa 5 mil euros a mais. Além de Milão, o mesmo Instituto Marangoni também disponibiliza o mesmo curso em Londres e Paris, com aulas em inglês, espanhol ou até português.

Em Nova York, a melhor opção é o Summer Intensive Studies – Parsons The New School for Design, que tem programas dedicados a adolescentes de 16 a 18 anos e para alunos universitários, com idade mínima de 19 anos. Com eles, dá para descobrir logo cedo as técnicas do design de moda e começar a carreira. Para o curso dos Estados Unidos, que desenvolve habilidades em arte e design e estimula os alunos a criar portfólios, além de acalentar, com treinamento intensivo, a definição dos objetivos profissionais dos alunos de moda, o estudante tem que desembolsar cerca de 3.400 dólares, sem incluir a hospedagem. No entanto, a faculdade disponibiliza quartos duplos para alunos em cursos de verão, com uma taxa adicional ao investimento no curso.

Por fim, Paris também tem seu curso de moda na Ecole de La Chambre Syndicale de La Couture Parisienne – e esse curso merece todas as atenções porque é em Paris que fica, sem rodeios, a alma da moda. Durante esse intensivo os estudantes analisam trabalhos de estilistas renomados, de forma crítica, e a partir daí desenvolvem minicoleções. O custo é de aproximadamente 1400 euros para um mês de curso, e é necessário ter boa compreensão da língua francesa para acompanhar as aulas.

Com uma passada por algum desses cursos de moda no exterior (ou, com sorte, por todos), você já terá uma boa base para começar sua carreira na indústria fashion – além de trazer na bagagem muito conhecimento, cultura e novos amigos.

Faça um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *