Como funciona o Prouni

O Programa Universidade para Todos é um dos programas mais procurados pelos estudantes que pretendem fazer um curso de nível superior e não tem condições de pagar uma mensalidade, ou seja, é um tipo de programa que ajuda muitos jovens carentes a conquistar o seu diploma de nível superior e ter sucesso em sua carreira

Um curso de nível superior é um sonho de muitos estudantes que está cada vez mais acessível para os jovens, ou seja, o governo federal lançou há muitos anos atrás o Pro uni, que é uma chance em que os interessados possuem de conquistar uma vaga em uma instituição de ensino superior paga.

Para participar do Pro uni, é de suma importância que os alunos atendam diversas exigências e fazer o Exame Nacional do Ensino Médio, o famoso ENEM, no ano anterior do exame do Pro uni, ou seja, não se consegue a bolsa do Pro uni sem a prova do ENEM, que é uma prova que está sendo muito usada tanto por instituições de ensino superior privadas quanto as públicas.

Depois de fazer a prova do ENEM, é de suma importância que se tire a nota mínima exigida para garantir a bolsa e quem decide o valor desta nota é o MEC,mas como em todo o tipo de prova, quanto maior a nota, maiores as chances de conquistar a bolsa. Outro fator muito importante é que a renda deve ser de até de três salários mínimos para cada pessoa que mora em sua residência e além destas duas exigências, deve se atende a pelo menos uma destas exigências:

• Professor de rede pública e estar concorrendo a uma das vagas em um curso de pedagogia, normal superior ou de licenciatura, além de outros requisitos que estão descritos no portal do MEC.

• Portador de necessidades especiais.

• Estudante de ensino médio em uma escola pública ou em uma escola particular com bolsa integral

• Estudado o ensino médio em uma parte em escola privada com bolsa parcial e em outra parte em uma escola pública.

Não basta atender a estas exigências, é de suma importância que seja aprovado no processo de seleção do pro uni, que é feito em fases:

Primeira Fase: Inscrição no programa: o aluno escolhe o curso que deseja fazer, ou seja, o aluno pode escolher até 5 cursos, de acordo com as suas possibilidades e critérios do MEC e depois da escolha o MEC irá fazer uma seleção entre os candidatos, que tem as notas calculadas entre a média da nota de redação e a nota da prova objetiva e a partir deste cálculo pode ter a classificação de acordo com esta nota

Segunda Fase: Verificação se as informações são verídicas

Dependendo da faculdade ou da universidade, pode haver outra prova que a instituição de ensino pode aplicar para os seus candidatos e no caso de aprovação, se assina um termo de Concessão de Bolsa. Caso o aluno não seja aprovado, o mesmo pode ser selecionado em uma segunda chamada.

Ficou na dúvida ainda? Vamos descomplicar para você:

passo-a-passo-prouni

 

Faça um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *